Transformação digital no canteiro de obras da J. Simões Engenharia

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

A J. Simões Engenharia é mais uma construtora a adotar o Agilean em suas obras, como forma de implementar a transformação digital no canteiro e aumentar a produtividade.

Em geral, a jornada dos nossos clientes com o Agilean se inicia com a fase de implantação, formada por 4 etapas que habilitam o usuário a utilizar as funções básicas da ferramenta. Todo o processo é conduzido pelo nosso time de especialistas em planejamento e controle de obras, que além dos fluxos de utilização do sistema também auxiliam em pontos chave na metodologia de planejamento da produção com os conceitos do Lean Construction.

Após a implantação, entramos na fase de engajamento, na qual o nosso time de Sucesso do Cliente, em parceria com a equipe dos nossos clientes, passa por tópicos avançados do Agilean, selecionados de acordo com o nível de maturidade e objetivos de cada empresa.

Ao final da fase de engajamento, nosso time passa a monitorar os resultados e rotinas de uso do Agilean dos nossos clientes com o objetivo de garantir que os resultados propostos no início da implantação sejam atingidos.

Todo o processo é totalmente customizável de acordo com os objetivos e maturidade de cada empresa, habilitando a implantação do Agilean independente do porte da empresa ou da obra.

A seguir, você vai ver, na figura, os 8 passos da jornada de transformação digital no canteiro e o passo a passo da implantação na J. Simões Engenharia.

Implantação do Agilean na J. Simões: passo a passo

Segundo o próprio engenheiro da J. Simões, Victor Chaves, “a implantação do Agilean foi de fácil adesão pelas equipes de produção, e hoje a execução funciona de maneira mais fluída seguindo o planejamento”. 

Entenda, logo após o vídeo, todo o passo a passo da implantação.

1. Planejamento da produção

Definição dos pressupostos básicos e de planejamento em termos de escopo, plano de ataque, estratégia de cronograma e recursos envolvidos.

J. Simões: transformação digital no canteiro de obras com Agilean
  • Marcos de sucesso: Definição da linha de balanço base da obra.

2. Planejamento da qualidade

Viabilização do link entre as atividades e os critérios de inspeção da qualidade e capacitação da equipe no fluxo de gestão da qualidade digital.

J. Simões: transformação digital no canteiro de obras com Agilean
  • Marcos de sucesso: Fichas de Inspeção de Qualidade criadas / importadas no Agilean.

3. Planejamento permeado no canteiro

Treinamento das equipes (Gestão e Produção) nas rotinas de curto prazo e na alocação e monitoramento dos times de produção conforme o planejado.

J. Simões: transformação digital no canteiro de obras com Agilean
  • Marcos de sucesso: Times de produção cadastrados e alocados nas tarefas.

4. Fluxo de estações

Implantação e treinamento no uso das estações Agilean ao longo da obra.

J. Simões: transformação digital no canteiro de obras com Agilean
  • Marcos de sucesso: Estações Agilean conectadas e prontas para o uso.

5. Proteção do plano de produção

Treinamento em técnicas de planejamento de médio prazo e implantação diretrizes básicas para utilização das restrições como forma de proteger o planejamento das incertezas do processo construtivo.

J. Simões: transformação digital no canteiro de obras com Agilean
  • Marcos de sucesso: Restrições e responsáveis detectados e gerenciadas na plataforma Agilean.

6. Reprogramação do plano de produção

Interação com o cliente para elaboração dos planos de ação e reprogramações automáticas no Agilean Planner, baseadas nas análises dos indicadores realizados de prazo, custo e qualidade nos dashboards do Agilean.

J. Simões: transformação digital no canteiro de obras com Agilean
  • Marcos de sucesso: Plano de ação para o período validado no Agilean e geração da Curva S com os avanços realizados e projeções para os meses futuros.

7. Controle da qualidade

Visualização do fluxo da qualidade digital e análise em conjunto com o cliente dos indicadores e dashboards referentes a gestão da qualidade.

J. Simões: transformação digital no canteiro de obras com Agilean
  • Marcos de sucesso: 5 não conformidades abertas e 10 registros de inspeções realizados.

8. Controle de mão de obra e de produtividade

Análise em conjunto com o cliente dos portais de produtividade, funcionários improdutivos e medições dos empreiteiros atreladas a qualidade.

J. Simões: transformação digital no canteiro de obras com Agilean
  • Marcos de sucesso: Indicadores de produtividade e medições de empreiteiros gerados via plataforma Agilean.

9. Monitoramento e garantia do sucesso do cliente

Monitoramento proativo e constante, pela equipe do Agilean, dos principais indicadores de uso da plataforma Agilean nos clientes. Com o objetivo de manter os clientes na direção dos resultados traçados no início da implantação do Agilean.

J. Simões: transformação digital no canteiro de obras com Agilean
  • Marcos de sucesso: Monitoramento em tempo real dos principais indicadores de engajamento pela equipe de Sucesso do Cliente Agilean.

Transformação digital no canteiro de obras: assista ao case da J. Simões Engenharia